Páginas

Eu cresci, meus pais não perceberam!!

Meu dia não parecia o mesmo, e minha noite também não foi.. Depois daquele jantar, o que me esperava era meu pai, me falando que coisas e mais coisas, um blá blá sem parar de tudo que se passou, muito chato, posso dizer, depois veio minha mãe, achei engraçado, ela parecia preocupada, logo percebi o porque.
- Filha, como você está grande! Eu sabia que o tempo passou, mais dois anos, não é tanto tempo assim, como você cresceu...
-Para mãe, que saco - interrompi logo..- Eu sei, quem manda viajar..pensou o que? que ia encontrar eu pequena e bobinha como 15 anos?!
- É foi uma péssima idéia, colocar sua tia aqui, você está tão agressiva.. você não era assim!!
- Eu não estou agressiva...Só estou falando o que penso, oras!!
A conversa parou por ai, ela saiu pro quarto com a cara amarrada, acho que ela não gostou de meu crescimento, parece até engraçado, é engraçado, mas acho que ela não medio o tempo biológico..ela pensou ter uma criança, ela tinha uma adolescente...
Mas o que estava intrigando ela, eu sabia, de certa forma também achei estranho ela colocar dentro de casa o Bruno, ele era lindo como era.. alto, forte, tinha um estilo basicão, calça e camiseta bem coladas ao corpo, o que salientava seus músculos, academia? talvez.. Era lindo, olhos claros, um cor de mel, o rosto era perfeito, uma boca de deixar qualquer uma doida...seus cabelos curtos lembrava o de um cantor, não me lembro o nome agora..

- Oi, seus pais estão muito preocupados sabia? - Era Ele, agora eu não podia gaguejar, perai, porque estou pensando em não guaguejar?? -
- Oi,estão é? Porque ? Eu estou bem, ou pelo menos acho que estou..- é me sai bem. Ri sem ao menos perceber .
Ele estava rindo, porque? eu não sei, alguma coisa estava passando em sua cabeça, talvez pensando em como responder.
- Eles te descreveram de uma forma, que você nem imagina, em minha mente você era uma adolescente-criança, pequena, que ia ficar fazendo mil perguntas sobre coisas bobas, e riria de tudo que se passasse... - Apa, isso era engraçado? era para eu rir, ou chorar..Eu fiquei com cara de espanto ..Foi o que deu.
- Que? Como assim? Ha meus pais não percebem que as coisas, o tempo e as pessoas mudam..- eu ri..ele também.
- É, para você ver, chego aqui pensando encontrar uma criança e encontro uma linda moça. - Ele olhou nos meus olhos, virei o rosto, e agradeci..que vergonha que me deu.!!

Nenhum comentário

Postar um comentário

Layout por Maryana Sales - Tecnologia Blogger